40 pessoas marcaram este episódio como visto

32 pessoas já deram nota a este episódio e a média é 9.11

8 pessoas já reassistiram este episódio


Amigos


Últimas notas atribuídas: 8.5 - 10 - 7.5 - 9 - 9.5 - 9.5 - 8.5 - 9.5 - 10 - 7.5 - 10 - 10 - 9.5 - 9.5 - 10


Exibido em: 31-Mai-2019

Mini Sinopse: 10 anos após o último acontecimento de Deadwood, o agora então Senador da Dakota do Sul George Hearst volta à cidade para um discurso, reencontrando suas antigas desavenças, Al Swarengen e Seth Bullock.
Ultima edição: Gabriel BEditar minissinopse

Reviews deste Episódio:




Comentarios - Deadwood - 1x1 (11)

Logue-se para poder ver os 11 comentarios e tambem comentar

Garret Dillahunt , que interpretou dois personagens da série, Jack McCall e Francis Wolcott, fez o bebado, que grita sobre seu pai morrer na rua.

Todo o elenco principal original está confirmado para retornar para o filme, com as exceções de Powers Boothe (que jogou Cy Tolliver na série), que faleceu de câncer de pâncreas em 2017, Ralph Richeson (que interpretou Richardson na série), que faleceu de falência múltipla de órgãos em 2015 e Titus Welliver (que interpretou Silas Adams na série) não retornará por causa do agendamento de compromissos com a série de TV "Bosch". Não haverá reformulação dos papéis, pois as ausências dos personagens serão esclarecidas no filme.

Depois que a terceira temporada terminou, David Milch fez um acordo de aperto de mão para fazer dois filmes de Deadwood para concluir a série com o então presidente e CEO da HBO, Chris Albrecht.
Mas Albrecht foi preso em Las Vegas por agredir sua namorada em um estacionamento. E depois que a HBO demitiu Albrecht, os filmes de Deadwood não foram feitos como planejado. Especula-se que, se um contrato tivesse sido assinado para fazer os dois filmes de Deadwood antes de Albrecht ser demitido, a conclusão da série provavelmente teria sido concluída há mais de uma década.

Muitos dos edifícios que compunham o conjunto de Deadwood (2004) haviam sido alterados ou demolidos por produções subsequentes filmadas no Melody Ranch, e as plantas originais perdidas. A casa dos Bullock, por exemplo, havia sido demolida para dar lugar ao Westworld (2016) e teve que ser reconstruída. A designer de produção Maria Caso , que ganhou um Emmy por seu trabalho na série, foi forçada a estudar a série original para reconstruir com precisão os marcos originais.

A cartola usada por Joanie Stubbs ( Kim Dickens ) é a mesma cartola cinza que ela usava na série original, mas foi remodelada com tecido marrom para parecer nova (uma prática comum no século XIX). O figurinista não conseguiu encontrar um chapéu novo que a servisse também, e Dickens manteve o chapéu original todos esses anos.

Molly Parker (Alma Garret), que também estava filmando sua série Perdidos no Espaço (2018) no Canadá, viajou de lá para Los Angeles para filmar suas cenas no filme. Ela estaria tão exausta entre as tomadas que se deitava no chão, em traje completo com espartilho, para descansar um pouco.

Nic Pizzolatto ajudou David Milch a escrever o filme de Deadwood, o que acabou levando Milch a escrever sobre a terceira temporada do True Detective de Pizzolatto.

A parte de Sofia Ellsworth foi refeita.

O filme acontece em 1889.

A canção cantada por Trixie e Al Swerengan no final do filme "Waltzing Matilda" é uma balada australiana escrita por Banjo Patterson em 1895, mas não publicada até 1903.

A sugestão de Al de que Sol se candidata é baseada em fatos históricos. O verdadeiro Sol Star serviu como prefeito de Deadwood de 1884 a 1898. Ele também serviu na Câmara dos Deputados de Dakota do Sul e no Senado estadual. A serie tomou algumas liberdades criativas em relação ao personagem de Sol. Na realidade, ele havia sido prefeito por mais de quatro anos quando a Dakota do Sul se tornou um estado. Ele também nunca se casou.

2019-06-07 11:01:00Denunciar spoilerDenunciar Abuso*
5
0
0
Amei! Isso sim é um encerramento digno, honrando o que a série foi.

Foi lindo ver todo o elenco (ou quase todo) reunido, todo mundo já mais velho, mas igualmente afiado nas interpretações. Nem parece que 12 anos se passaram.

Tudo muito bem feito, planejado, redondo. Muito feliz com o que vi!

2019-06-15 15:25:31Denunciar spoilerDenunciar Abuso*
5
0
0
Foi ótimo rever Deadwood, depois de 13 anos vemos que muitos personagens continuam os mesmos, com suas peculiaridades e curiosidades.

2019-06-07 10:54:03Denunciar spoilerDenunciar Abuso*
4
0
0
Um reencontro tocante e recompensador.

Muitos anos se passaram, para nós e os personagens, mas a sensação ao ver o filme é de que ainda estamos acompanhando a série nos anos dourados da década passada.
Dentro do possível(pelo longo hiato e por ser um filme), me impressionou como recriaram maravilhosamente a atmosfera da série. Me senti assistindo a clássica obra televisiva e não apenas um mero "filme homenagem".
O enorme carinho com os personagens e suas respectivas histórias me tocou - ainda mais por terem dado tanto espaço a minha amada Trixie.

A união e senso de comunidade que enfrentam o poder corrupto/ambição sangrenta por riqueza, o velho vs. o novo, as relações fortes, os sentimentos nostálgicos e as "leis próprias" de um lugar mágico e complexo num tempo passado ainda encantam de forma única.

Um dos filmes de 2019 que mais me emocionou. "Deadwood" merecia essa bonita despedida e pedido de desculpas da HBO pelo cancelamento absurdo.
Fico feliz que agora ao menos temos um final mais aceitável para esses maravilhosos personagens e série.

Sempre amarei "Deadwood".

2019-11-01 22:24:54Denunciar spoilerDenunciar Abuso*
2
0
0


Logue-se para poder ler os 11 comentarios e tambem comentar



Fórum Geral
Logue-se para poder ver as fotos

Copyright© 2024 Banco de Séries - Todos os direitos reservados
Índice de Séries A-Z | Contatos: | DMCA | Privacy Policy
Pedidos de Novas Séries