IMPORTANTE: O Banco de Séries não serve para assistir séries! Somos uma rede social onde os fãs de séries podem controlar os episódios que assistiram, dar notas, comentar, criar sua agenda, saber quando passa o próximo episódio. Somos totalmente contra a pirataria e não disponibilizamos conteúdo que fere direitos autorais.

Kingdom (2014) By Scavo





Episodio 1x1 - Nota 8.5

Também cheguei aqui pelo Nick, sorry. Mas não me deixei levar, nem criei expectativas só por causa dele. E olha, fiquei bem surpreso.

Apresentou bem seus personagens, são cativantes e fortes. Surpreendentemente, o Nate é o único que deixou um pouquinho a desejar, embora também seja interessante. De qualquer forma, o final com ele sendo espancado pelos dois idiotas me deixou horrorizado pela brutalidade. Eles estavam usando aquelas chaves de metal! Socorro!

Curti o Alvey e adorei o Ryan. Aliás, Matt Lauria, VEM NI MIM!

Enfim, vou continuar vendo. É promissora e tem um bom desenvolvimento. Não sou lá aquele fã de lutas, mas me vi bastante entretido aqui. Ponto positivo. :)
2015-01-19 20:14:17


Episodio 1x2 - Nota 8.5

Tô adorando MESMO o Ryan. Fiquei bem surpreso com a tramoia dele em relação ao ursinho e atuou muito bem diante do colega! Fazendo cara de perplexo porque o cara tava quebrando tudo por um chaveiro e no fim, ele estava por trás de tudo HAHAHAHAHA. Agora com a chegada definitiva dele à academia, quero só ver como as coisas vão ficar entre ele, Alvey e especialmente Lisa. BTW, novamente, VEM NI MIM MATT LAURIA.

Jay me surpreendeu indo à delegacia. Não tava curtindo muito o personagem e essa preocupação com o irmão foi legal. Mancada dar o “tapa” no policial, btw.

Por fim, peninha do Nate. Espero que descubram logo quem fez a atrocidade, quero ver os dois agressores se ferrando bonito. Quanta crueldade...
2015-01-19 20:29:28


Episodio 1x3 - Nota 8.5

Que surpresa esse plot do Jay... Aliás, eu não tinha gostado muito desse personagem no piloto da série e já está se tornando um dos meus preferidos. Relação interessante que ele tem com a mãe. Fiquei com pena da mulher, também... Porque nossa, que situação. Barra pra um filho ver a mãe ter que trabalhar dessa forma, à mercê de um michê e etc. Eu ein...

Ryan <3 ótima cena ensinando o Keith como se defender dos desocupados. Fiquei com pena quando aquele verme veio jogar água de privada suja na cabeça dele. Que gente mais desnecessária, credo.
2015-01-20 11:33:14


Episodio 1x4 - Nota 8.5

Ai meu Deus, esse Matt Lauria é um pedaço de mau caminho! Mas enfim, dei risada com o Ryan mentindo só pra poder foder a mulher. Se bem que, como alguns já apontaram, nem precisava. “Quando existe atração, existe atração” e né, com um rosto desses...

Mas enfim, Jay tá me surpreendendo muito. Embora extrema demais, a atitude de prender a mãe pra tirá-la da prostituição e das drogas foi muito bonita, porque mostra o quanto ele se preocupa e quer ver o bem dela. Mas não acho que vá acabar bem. O infeliz do michê perdeu a coragem quando a arma foi-lhe tomada, mas não deixa de ser um michê! Não vou me surpreender se ele ressurgir pronto pra vingança. Logo, temo pela vida do Jay por isso – mesmo ele se provando um excelente lutador.

Já o Nate é um personagem complicado demais de decifrar. Não gostei muito do espetáculo à mesa com o pai e nem consigo entender realmente o motivo de não querer reconhecer os agressores. Ora, se tá com raiva do “mande lembranças a seu pai” antes de ser espancado, porque não busca conversar com ele pra entender? Eu ein... E os flerter com a fisioterapeuta... Sei lá, estranho.

Enfim, episódio muito bom. A série está em um nível maravilhoso. Tô adorando!
2015-01-20 11:45:38


Episodio 1x5 - Nota 9

A cena da luta foi muito boa e fiquei muito feliz com o Jay! É realmente incrível o quanto esse personagem conseguiu mudar meu conceito do primeiro episódio pra cá. E o Alvey orgulhoso por ele ter vencido a luta foi muito amor HAHAHAHAHAHA Adorei, mesmo.

Falando no Alvey, o que foram as cenas dele com o pai da Lisa? Também achei irônico as cobranças do velho quando ele fez toda aquela palhaçada com na frente de todo mundo. Eu ein.

E estou MORTO com esse final. Imaginei que Keith fosse entender o conselho do Ryan como um “bata o pau na mesa” de verdade, mas nossa. HAHAHAHAHAHA a cara da Lisa foi a melhor e o Ryan todo desconfortável, dei risada!

NICK JONAS :OOOOO
2015-01-21 11:05:12


Episodio 1x6 - Nota 8.5

Ai meu Deus, quão fofo é o Ryan? Lindíssimo dando o ursinho azul pro Keith – pena que o ato tenha trazido memórias desastrosas para este último, né. Que horror. “Última vez que ganhei um ursinho, minha mãe foi assassinada”.

Mas nossa, muita gente falando que o final foi previsível e fiquei de boca aberta. Tudo bem, verdade que uma hora ou outra Keith fosse mesmo acabar explodindo com esse CHATO aí. Mas também não esperava que fosse acontecer agora, e MUITO MENOS que fosse matá-lo esfaqueado! Tomei até um susto! Mais uma vez, Ryan foi lindo tentando encobrir. Espero que ele não se ferre, só isso.

Falando no Ryan, gostei da atitude de ir até os pais. Pena do pai dele e não dá pra culpá-lo por não querer relação com o filho. O perdão já foi o suficiente. Se comportar como se nada tivesse acontecido, é mesmo pedir demais... :/

Alvey é outro CHATO. A relação que ele tem com os filhos é a mais estranha possível. Se não chamasse “filho” de vez em quando, se Nate não o chamasse de “pai”, nem dá pra dizer que ele têm parentesco, honestamente. E o surto dele pela mãe estar presente foi muito desnecessário.

Aliás, espero que Christina não deixe esses meninos na mão, agora que as coisas estão estáveis pra todos. Ela está limpa e saiu da prostituição. Precisa de mais o quê?

Já o Nate continua sendo indecifrável. Gosto dele, diga-se de passagem...
2015-01-21 11:15:20


Episodio 1x7 - Nota 9

Nate realmente é muito fechado e indecifrável. Mas esse episódio deixou um tanto evidente um dos dilemas da vida dele, né. O encontro com aquele rapaz na loja deixou-o visivelmente perturbado e irritado, justificando então o surto desnecessário ao arrancar violentamente o cara do carro só pra exigir “volte para o carro”. Com isso, também dá pra entender o motivo de ser tão fechado, tão na dele. Afinal, a família não é do tipo que aceitaria sua homossexualidade na boa, certeza.

Eu gosto do Ryan, ele é sim um bom personagem. Mas realmente, desnecessário ao extremo o que fez na academia, além da ingratidão. E de fato, Alvey é outro que não dá pra entender bem. Ele deve ser muito desesperado por dinheiro e por publicidade, pra passar a mão na cabeça do Ryan e fingir que não vê que ele está doido pra ficar com a Lisa de novo.

Por fim, quanta ousadia daqueles dois vermes indo à casa do Jay fazer medo. O pior é aquele que fica mostrando a arma pra intimidar. Que cara mais covarde, babaca e idiota. Espero que Jay dê um jeito nos vermes.
2015-01-22 11:32:47


Episodio 1x8 - Nota 8.5

Agora sim Alvey conseguiu conquistar toda a minha antipatia. A Lisa é uma “puta” porque ele “vê a forma como ela olha pro Ryan”. Então no que ele se enquadra, já que transou com a Christina no meio da rua, mulher que ele supostamente desprezava até o episódio passado? Toda a discussão que ele teve com Lisa me deixou com um nojo desse verme que nem sei. E ela é uma pessoa tão legal, além de linda.

E toda a situação se torna mais frustrante ainda quando você constata de vez que ela não quer nada com o Ryan. Vi sinceridade quando disse que “sentia pena” e foi embora sem ouvir o que mais ele quisesse dizer. Pra finalizar, como comentaram abaixo: também vislumbrei a possibilidade de Lisa e Jay acontecer. Já que os dois se ouvem e têm uma relação bonita. Quem sabe até daria certo e seria uma sambada no Alvey pra ele aprender a valorizar as coisas boas que tem na vida. E de bônus: que Christina esteja MESMO planejando alguma coisa contra ele. Porque o verme MERECE.

Dei risada com a cara de tédio do Nate transando com aquela menina HAHAHAHAHAHAHA mas o melhor mesmo foi a Christina, esperta ao máximo... Sacou na hora que a foda ali era só pra ela flagrar, já que tinha percebido a tensão entre o filho e aquele rapaz da loja no episódio anterior.

Jay continua sendo o melhor. Fiquei contente por não ter conseguido seguir em frente com a tentativa de assassinato. Ele não precisa se sujar dessa forma agora...
2015-01-22 11:47:10


Episodio 1x9 - Nota 9

Jay disparado melhor personagem, isso é fato. Foi maravilhoso ele focado em ajudar o Ryan, forçando-o a fazer os exercícios e não perder o foco de nenhuma maneira... E pensar que não tinha gostado muito da atitude dele no piloto da série. HAHAHAHAHA.

Agora sobre o Ryan: gosto dele, mas fiquei muito incomodado com o comportamento dele pela falta do Alvey. Entendo perfeitamente: é o treinador e o incentivou a estar ali. Mas aff, Jay estava lá ajudando e ele conseguiu perder o que tinha que perder. Então, menos mimimi, né.

E sobre o Alvey: ok tirar um tempo pra ele também, embora eu não encontre uma justificativa já que ELE estava errado em toda a briga com a Lisa...

Nate: indecifrável.

Por fim, fiquei CHOCADO com esse agente da condicional tendo tesão por suor. SOCORRO, QUE NOJO.
2015-01-23 11:48:20


Episodio 1x10 - Nota 9

Jay lacrou DEMAIS. Foi o quê? Cinco minutos de luta e já venceu? HAHAHAHAHA adorei. Aliás, toda a sequência de luta foi ótima. Fiquei um tanto apreensivo com o Ryan, por um momento pensei que ele fosse perder e isso fosse desencadear um arco um pouco mais dramático para o personagem. Felizmente foi contrário e lacrou também.

Ainda sobre o Jay: espero que ele não volte a ter aquela “imagem” do episódio piloto, que me fez ficar com um pé atrás em relação ao personagem. Ele está em um momento maravilhoso da vida e torço pra que não estrague tudo se entregando à drogas e derivados...

E eu não gosto dessa ideia do Ryan com a Lisa. Na verdade, é bem melhor se ela ficar sozinha agora. Quem sabe na próxima temporada, dependendo do desenvolvimento que eles possam receber como um casal, eu posso até mudar de opinião...

Nenhuma surpresa a homossexualidade do Nate. E não acho que a inexpressão do Nick Jonas seja culpa do ator. O personagem que é indecifrável, fechado, bem reservado mesmo, por conta desse dilema que ele enfrenta. Afinal, não dá pra saber como ele se sente sendo gay em meio a uma família que vive assim... De qualquer forma, creio que na próxima temporada ele deva crescer um pouquinho mais. O plot é interessante e tem tudo pra surpreender bastante. Assim espero.

Sobre Christina: decepção total. Depois de tudo o que Jay fez por ela. Ela estava tão bem! Decidir assim, em mais nem menos, se prostituir de novo. AFF.

Por fim: Alvey é uma criatura engraçada. Ele traiu a Lisa, mas acusou-a de ser uma “puta” por ver “a forma como ela olha pro Ryan”. Depois que ela se afasta, ele fica assim? Ela não tem motivos, né? Menos, querido. Menos.

Próxima temporada pra ontem, por favor. Gostei bastante da série, não esperava que fosse curtir tanto!
2015-01-23 11:58:02


Episodio 2x1 - Nota 8.5

Mesmo com aquele previously de quase dois minutos, ainda fiquei meio perdido com algumas coisinhas. Mas no geral eu gostei do episódio, foi um excelente retorno para a série.

Todo mundo esperava ver destaque pro Nate, não aconteceu. Mas pelas entrevistas do Nick e etc, acho que isso não deve demorar. E assim espero! Será que a família descobre sobre a sexualidade dele ainda nessa temporada?

Ryan destruidor, literalmente. Mesmo doente, conseguiu vencer o cara. Mitou! Agora o lance da cocaína... Gente! :OOOO Loucura.

Espero que a temporada seja tão boa quanto a primeira foi.
2015-10-18 21:44:28


Episodio 2x2 - Nota 8.5

Morto com Nate mexendo no Grindr com a namorada enchendo a cara no outro cômodo porque ele não quer transar com ela HAHAHAHAHAHA. Recebeu um destaque, mas esse desenvolvimento tá muito nulo, ein? Pela forma como a temporada passada terminou nesse plot, esperava uma coisa mais bem trabalhada no início dessa e até agora não entregaram quase nada.

Mas se bem que eu também pensei em um provável envolvimento do Nate com aquele amigo do Alvey.

Ryan com o amigo do ursinho: legal a cumplicidade dele. Se fosse qualquer outro que não se importasse com nada além de si mesmo, já tinha deixado ele se ferrar na cadeia. Mas ele, não. E espero que as coisas comecem a dar certo, já que aparentemente está a um passo de se ferrar magistralmente mais uma vez, justo quando tudo estava melhorando, né.

Vanessa de Gossip Girl se encontrou com o Jay! HAHAHAHAHA Gostei das cenas dos dois. Interagiram bem.
2016-01-14 11:15:39


Episodio 2x3 - Nota 8.5

Nossa, tadinho do Nate. Venceu o cara no primeiro round e ainda exigiu que a luta terminasse logo, pra ele não deixar o cara lá todo machucado, só pra em seguida ele ser nocauteado com aquele chute. Fiquei com pena mesmo. E preciso dizer que gostei DEMAIS da última cena que ele teve com o Alvin. Nick Jonas tá melhorando cada vez mais na composição do personagem e o Frank Grillo é brilhante por si só.

MORRRRTO com a cena inicial do Keith HAHAHAHAHAHA. Achei engraçado demais o povinho perguntando se ele era doido: hipocrisia much? Ficam rindo do cara só por ele estar comendo, e questionam sua sanidade quando ele se defende? PLEASE. É de ver o que essa morada com o Ryan vai resultar...

Por enquanto não tô achando que tem algo “a mais” na Laura, não. Inclusive tô amando a forma como o relacionamento com o Jay está caminhando. Ele tá tão fofo todo caidinho por ela HAHAHAHAHA.

BTW: também senti que ele ficou meio envergonhado de apresentar a mãe e a namorada. Lisa falando que o que ela e Christina têm em comum com o Alvin é o fato de ele ter colocado bebês nas duas HAHAHA.
2016-12-12 19:50:40


Episodio 2x4 - Nota 8.5

Nate, querido, me ajuda a te ajudar! Como é que o cara é gay dentro do armário, salva fotos de vários bofes no celular, tem aplicativos de relacionamento e não coloca senha em nada? PQP. Ele praticamente pediu pra ser descoberto pela menina.

E ela, obviamente, tinha razão em estar frustrada, já que estava em um relacionamento com ele e nem possui a fruta da qual ele gosta de provar. Porém, achei ridículo o modo como ela chegou na academia, gritando pra todo mundo ouvir que ele tinha transado com ela na noite anterior. E PIOR: considerando estar com alguma DST só porque descobriu que ele se envolve com homens – como se heterossexuais fossem geneticamente imunes de doenças sexualmente transmissíveis. MENOS, FOFA. BEM MENOS.

Já estava ÓBVIO que o Ryan ia acabar pegando a Alicia, né? Nesse episódio então... O treinamento, a cena da sauna... E como o Ryan é feroz, SOCORRO! Keith aparecendo que Alicia mandando ele continuar KKKKKKKKKKKKKKK. BIZARRO.

Por fim: também acho que o negócio que Alvey quer fazer com o tal do Chapas vai acabar trazendo grandes problemas. Tem algo nesse cara que simplesmente não desce.
2016-12-12 20:00:29


Episodio 2x5 - Nota 8

Christina não tem jeito mesmo... Jay se esforçou pra tirá-la desse mundo ruim e ela caiu dentro de novo sem pensar duas vezes... Ingrata e sem retorno, pelo visto.

E o Jay, eu não sei nem o que dizer sobre a obsessão dele pela Laura. Sério, isso foi muito inesperado pra mim, principalmente a sequência final da briga dos dois na casa dela. Se ele não se acalmar, vai acabar afundando de vez a relação dos dois, que estava tão bonitinha. Ai ai...

Ele precisa encontrar uma maneira de se expressar... Laura realmente entrou na cabeça dele, coitado.

O problema com o arco da homossexualidade do Nate é que ele está andando devagar, sim. Não é que eu queira que ele se assuma logo, creio que a série vai mostrar isso de forma delicada – ainda mais levando em conta o fato de ele ser lutador. Quero ver o que vai dar a imprudência de burlar a suspensão médica...

MORRRTO com a vingança do Alvey pelo post do jornalista HAHAHAHA.
2016-12-13 11:27:21


Episodio 2x6 - Nota 8.5

É, bem que algumas pessoas comentaram sobre algo não cheirar bem em relação a Laura. Tudo indica que ela vai ser a personagem responsável por fazer o Jay surtar definitivamente. Fiquei muito decepcionado porque ao que tudo indica, o ex-namorado bondoso dela falou a verdade sobre ela ficar chorando por ele não ter casado e etc, já que ela não negou.

E eu fiquei tão tocado com o Jay, que nem sei. Ele errou em ir atrás do cara, mas entendo que ele não conseguiu se controlar, uma vez que o sentimento pela Laura já é maior que ele. Poxa...

Nate perdendo a cabeça e quebrando o braço do colega de academia? MORTO. Acho que a partir de agora vão dar um pouco mais de atenção pro arco dramático dele – ao menos, assim espero.

Alvey foi decepcionante. Lisa em casa, esperando por ele, grávida do bebê dele, e ele vai e faz uma coisa dessas sem necessidade? Sem falar no problemão que arrumou no final, com a prisão e etc. Socorro, viu.

Eu ficaria bem mais contente com a cena da demissão da Christina se não soubesse que ela fez isso pra voltar a se prostituir...
2016-12-13 11:40:48


Episodio 2x7 - Nota 9

De longe o melhor episódio da temporada até agora. E talvez o mais poderoso, em termos de sentimentalismo e arcos dramáticos.

Confesso que, durante a sequência de depoimentos do Ryan e seu pai para a matéria, eu pensei que este segundo fosse acabar demonstrando rancor e mágoa pelo o que lhe aconteceu e etc. Fiquei muito surpreso porque foi absolutamente o contrário. Ryan expressou seus sentimentos e seu arrependimento e o pai deixou claro que ele está perdoado. Foi um momento muito bonito e ambos os atores estavam ótimos!

Por outro lado, as sequências do Nate com o Alvey também foram ótimas – porque Alvey está cheio de problemas também, e mesmo sem saber exatamente o que está errado com o filho, estava ali tentando apoiá-lo. BTW: fiquei com pena do Nate sim, imagino que a cabeça dele também deve estar uma confusão.

E a Christina é uma decepção... Sério, eu fiquei realmente enojado com ela dando sexo pro cara só pra conseguir as drogas. NADA justifica isso, ainda mais depois do esforço do Jay pra colocá-la no lugar. Ela está sendo muito ingrata mesmo...

Lisa querendo ir embora: não foi a gente que pediu!
2016-12-13 19:44:28


Episodio 2x8 - Nota 9

Socorro! Jonathan Tucker é um ator tão talentoso. Fiquei realmente impressionado com a transição que ele fez do personagem nesse episódio: de início todo divertido, cheio de piadas – o que foi ele entrando no quarto do Nate como se fosse um gato e lambendo ele? HAHAHAHA. Pra em seguida descobrir que Christina abandonou o emprego e, inclusive, está com drogas na casa. Eu fiquei tão tocado quando ele saiu e pediu pra todo mundo ir embora, pro Ryan ajudá-lo e tal. Foi um momento simples, mas puramente verdadeiro pelo tom que ele deu.

Sem falar que foi extremamente pesada a cena em que injeta heroína na frente da Christina, só pra mostrar o quanto ele realmente se importa. Espero que ela acorde agora e valorize o que ele está fazendo por ela. PLEASE.

Quanto ao Nate: já que a ex-namorada agora sabe e conversou com ele calmamente nesse episódio, acho que ele poderia aproveitar pra se abrir, porque tá precisando disso. E creio que, levando em conta o que aconteceu com ele nos últimos episódios, sair do armário está fora de questão, porque ele tá querendo se provar e está com um medo tremendo do futuro em relação à carreira. Tenho medo do que esses sentimentos reprimidos podem acarretar.

Tô meio chocado com o Ryan abusando de cocaína... Não estava esperando isso.

E preciso dizer que gargalhei com a reação do Alvey quando encontrou a Alicia chorando e afirmando que “não consegue encontrar” HAHAHAHAHAHAHA.
2016-12-13 20:02:20


Episodio 2x9 - Nota 9

Nossa, eu tô muito chocado com esse final. E a pena que estou sentindo vai muito além da raiva que eu tive da Christina durante os últimos episódios. Ela pediu ajuda ao Alvey e deixou claro que não era uma situação “financeira” – afinal, poderia muito bem ter aceitado o dinheiro e não o fez. E aí no fim, acontece uma tragédia dessas.

Tive meus problemas com a personagem pelas escolhas ruins que fez – e por estar meio que sendo um “impasse” na vida dos meninos –, mas ela não merecia isso. Queria vê-la forte e bem, reconstruindo a vida e seguindo em frente da melhor forma possível. E não morta por overdose de drogas.

Isso vai destruir o Jay de uma maneira, que nem sei. Repararam como a vitória não foi o suficiente pra ele? Ele mal deu atenção ao Alvey (em uma sequência em que os dois pela primeira vez pareceram pai/filho), e logo pegou o telefone pra falar com a mãe, que não estava lá pra vê-lo. Sério, muito triste. E o Jonathan Tucker segue destruindo tudo com sua atuação. Sensacional!

Sobre o arco do Nate: pelo andar da carruagem, acho que ele deve se abrir primeiro com o Jay – não sei quando, uma vez que se Christina estiver mesmo morta, eles vão enfrentar uma maré horrível agora. Mas acho que esse vai ser o caminho pro desenvolvimento do plot. Jay é um amor com ele e adorei todas as declarações que fez nesse episódio. Muito bonito mesmo.

BTW: abalado com a partida da Lisa.
2016-12-13 20:14:48


Episodio 2x10 - Nota 9

Achei meio WTF o fato da Christina nem ao menos ter ido ao hospital após a overdose, mas pelo Jay, eu fiquei contente que ela conseguiu sobreviver. E vou torcer que a partir de agora, ela tome consciência e pare de tomar decisões erradas. Ela precisa entender que tais escolhas não afetam só ela, mas os filhos também – principalmente o Jay. O desespero dele quando a encontrou desacordada. Nem imagino como ele ficaria caso ela tivesse morrido mesmo...

Alvey foi o melhor personagem do episódio. Adorei o incentivo que deu ao Ryan antes da luta, no início, e a conversa que teve com Nate no escritório, sobre o futuro e etc. Eu gosto quando incluem esses momentos em que ele se comporta como pai mesmo. Já a respeito da situação do Chapas: fiquei muito chocado quando ele pegou a arma e deu um tiro em si mesmo. Até o final do episódio, estava esperando a polícia aparecer pra prender o Alvey, já que a arma era dele e etc. Sei não se isso não vai causar um problema maior – afinal, teve aquela mulher que viu Alvey chegar lá armado e o hotel pode muito bem ter câmeras de segurança instaladas. Veremos...

Sobre Nate: está perdendo oportunidades de ouro de conversar com o Jay sobre quem ele realmente é. Mas não vou ficar culpando também porque sei como isso é difícil, mesmo em momentos em que você está se sentindo mais confiante, ainda assim a insegurança segue junto. Só espero que esse arco seja melhor desenvolvido na segunda parte da temporada.

Cena do Ryan com o pai foi algo que eu não esperava, também. Ryan foi muito corajoso por fazer aquilo, porque eu não sei se faria, mesmo com o pai implorando. Foi pesado demais! Fiquei com o coração na mão, de verdade...

No geral, essa temporada teve um saldo positivo, sim. A única baixa foi a falta de desenvolvimento do Nate, que segue sem muita relevância. Mas o restante foi interessante de acompanhar. Gosto muito da série.
2016-12-14 10:31:37


Episodio 2x11 - Nota 8.5

Ryan foi um babaca completo nesse episódio, absolutamente desnecessário. Fiquei muito irritado com a piadinha que ele fez sobre latinos, reforçando o estereótipo “donas de casa”, “empregadas” e etc – e detalhe que foi tudo por culpa do pau mole dele, convenhamos. A reação da Alicia ao broche foi engraçadíssima, btw.

Mas voltando, como se não bastasse, há a situação do final. Ryan dizendo que Jay estava caçoando dele na frente das câmeras? WTF?! Achei muito bem feito o dano no joelho, de verdade. Pra aprender. Só de ver como vai ficar a luta agora...

Já era esperado que a Lisa tivesse o mesmo destino que a atriz aqui na série. Fiquei muito tocado com toda a situação, e olha que ela nem apareceu ainda – será que retorna ainda nesta temporada? E o Alvey dizendo que não estava sentindo absolutamente nada pela perda do filho me deixou chocado. Que coisa mais horrível de se dizer. Nem tudo deve ser exclusivamente sobre o egoísmo dele.

Enfim, foi um bom episódio. A série só peca na falta do desenvolvimento do arco do Nate. Preciso que aconteça logo.
2017-01-14 22:59:54


Episodio 2x12 - Nota 8.5

Nossa, eu tô meio grogue com toda ssa sequência envolvendo o Nate no final – e com muita pena também, já que ele foi vítima de estupro. Minha maior dúvida é em relação ao velho que o contratou como personal trainer. De início, pensei que ele estava querendo se envolver sexualmente, por conta das ligações tarde da noite e das mensagens e etc. Mas dopar o Nate só pra vê-lo ser abusado por aqueles dois?

Quero só ver se isso terá alguma consequência e como será caso o velho retorne. BTW: que pena que a primeira vez que vemos o personagem se envolvendo realmente com um homem, tenha sido em uma circunstância tão frustrante.

Christina só pode ser louca. Como é que ela pode estar transando com o terapeuta, cara mais novo e ainda por cima casado? Eu gosto da personagem pelos arcos dramáticos que ela traz para a série, mas tô achando que não tem jeito mesmo, ela prefere não evoluir. Fico impressionado.

Curti a irmã da Alicia. Achei ela bem carismática. Confesso que no início eu pensei que fosse uma ex-amante ou algo assim HAHAHAHAHA. Ah: chocado com a cena da Alicia descontrolada batendo na mulher mentirosa e folgada. SOCORRO!
2017-01-15 10:40:12


Episodio 2x13 - Nota 9

Torci muito pelo Jay durante a luta e fiquei satisfeito por ele ter vencido, pena ele ter colocado na cabeça que tudo o que vão falar é que sua vitória se deu pelo joelho ruim do Ryan... Aliás, este último falando que foi exatamente isso que o Jay fez, usou a fraqueza física dele pra vencê-lo... Acho que as coisas entre os dois ficarão bastante abaladas daqui pra frente, sei não...

Não entendi muito bem esse plot da Christina. Episódio passado ela parecia bastante à vontade fazendo sexo com ele, inclusive justificando os atos com “todo mundo transa”, e nesse ela já falou que o cara se aproveitou dela quando chegou...O fato é que fiquei com uma puta raiva pela tentativa de estupro. Só espero que Christina não o tenha matado porque isso vai se tornar um problema daqueles pra ela...

Não deram continuidade ao plot do Nate, na verdade nem parecia que tinha acontecido algo com ele. Espero que esse arco não seja simplesmente deixado de lado pelos próximos episódios. Ainda tenho esperanças de que toda a trama de se assumir e sair do armário vai se desenrolar até a season finale. Assim espero.

Por fim, acho que Alvey ainda vai se ver em apuros pelo suicídio do Chapas, por causa da arma e etc. E principalmente, se a polícia tiver acesso a alguma câmera de segurança ou testemunha...

Por enquanto, tô curtindo a temporada.
2017-01-15 10:47:56


Episodio 2x14 - Nota 8.5

Tive uma boa primeira impressão da Ava no primeiro episódio em que surgiu, e agora eu não consigo sentir nada além de nojo e raiva. Do Jay, a mesma coisa. Preferia mil vezes o relacionamento com a Laura, embora ela não estivesse realmente interessada em construir uma vida com ele. E tudo porque lá, a coisa toda ia além de sexo e drogas. Acho que ela nem usava. Já essa Ava está conduzindo o Jay definitivamente para o fundo do poço, contribuindo para o vício dele. Que nojo!

Christina lutando com si mesma contra o impulso de voltar a usar. Que péssimo exemplo do Jay e que falta de consideração. Como ela vai conseguir se recuperar se o ambiente é repleto de drogas de qualquer forma? Eu ein. Ele ama a mãe, mas esperava um pouco mais de força de vontade dele nesse quesito.

Nate ligando pro Will no final... YES PLEASE! Acho que agora vai, folks! Bem que eu vi que esse rapaz tinha um jeitinho mesmo HAHAHAHA. Só continuo sem entender esse lance do estupro, Nate não levou adiante, o velho continua mandando dinheiro... Tá faltando uma explicação mais profunda nisso aí.
2017-01-15 10:56:26


Episodio 2x15 - Nota 8.5

Ryan não cansa de ser babaca, ele parece gostar, na verdade. Achei tão patético ele indo dizer pro Alvey que “não pega bem” ele deixar a Alicia dormir na casa dele. E tudo por conta de ciúmes bobo: não tenho paciência. Eu gosto do personagem, mas estou realmente me cansando do comportamento dele nessa temporada. Tá difícil de engolir.

Jay enquadradando o nojento do Jason: ACHEI POUCO! E o infeliz ainda teve a cara de pau de dizer que estava apaixonado pela Christina. Se a tentativa de estupro que ele fez for “amor falando mais alto”, nem quero imaginar o que é o ódio.

BTW: sigo muito decepcionado com o caminho que Jay está seguindo com a insuportável da Ava. Sério, ele preferir sair de casa e ir pra um motel, só pra não abrir mão das drogas... PQP. Relacionamento nojento pra porra!

Esperei que rolasse o beijo do Nate com o Will ali mesmo, pena que não foi dessa vez. De qualquer forma, tô animado pois o arco finalmente tá andando – pouco, mas tá. Melhor que nada.
2017-01-15 11:02:19


Episodio 2x16 - Nota 8.5

Meeeeeeu, que nojo do Jay!!! Que ódio da Ava! Sabíamos que ele era usuário antes, mas não era essa coisa dependente, não! Sério, Jay implorando ao Mac que deixasse alguma droga me deixou tão decepcionado e tão enojado, que nem sei... Acho que o rumo dessa história vai ser a overdose de um dos dois, e uma possível morte da Ava. Tenho minhas dúvidas, pela forma como as coisas estão indo...

Por fim, Nate conseguiu vencer alguma luta. A edição de toda a sequência foi sensacional, em especial quando Nate viu o Jay desmaiando. O som cortado dos gritos da plateia, o foco no que estava acontecendo apenas dentro do octógano, ficou bem legal.

Espero que a Lisa volte mesmo. Só é uma pena que Alvey tenha sido um puta FDP aceitando o dinheiro do pai dela, só pra pagar o processo daquele outro doido... Quero Lisa de volta, espero que isso não impeça...

Desabafo momentâneo: já mostraram tanto o Ryan transando com a Alicia que cansei das cenas deles. Não precisa mais. Grato! HAHAHA
2017-01-15 11:09:14


Episodio 2x17 - Nota 8.5

Ué? Como Nate pode estar terminando com o Will sendo que o relacionamento deles nem começou? Aparentemente eles só saíram algumas poucas vezes, acho que nem beijo rolou. Não tem o que terminar. E de qualquer forma, fiquei muito triste com isso. Will é tão bonitinho! Espero que Nate volte atrás, nem que estabeleça uma relação escondida mesmo, até ele estar seguro pra sair do armário.

Christina levando a menina pra casa... É uma boa ação, mas não podemos confiar, né. A menina é viciada, Christina não vai conseguir fazê-la parar de uma hora pra outra e né, dependência é foda. Nate já não está muito confortável...

Mas o ponto alto do episódio foi mesmo o retorno da Lisa. Fiquei muito contente por vê-la, mesmo estando tão abalada com os últimos acontecimentos. Nem imagino como deve ser difícil pra Kiele viver de novo essa dor na pele da personagem, e ela deu um show. Espero que Alvey não impeça que ela retorne mesmo, já que visivelmente é algo que ela precisa. Stay strong, Lisa!

Não tenho mais palavras para o Jay, além de nojo.
2017-01-15 11:17:32


Episodio 2x18 - Nota 9

Socorro que esse é o rumo que o arco do Nate vai tomar. Jay descobrindo por conta própria a sexualidade do irmão, eu não consigo lidar! Inclusive já estou meio receoso com a reação dele – embora Jay já tenha provado que ama o Nate, vai saber como ele vai enxergar tudo isso, levando em conta o meio deles, esse negócio da luta e como ainda é uma coisa fechada para os LGBT. Vamos ver...

Que ódio daquela filha da puta que a Christina estava tentando ajudar. Ingrata, poderia muito bem ter ido embora sem fazer mal algum. Não culpo a Christina porque ela só queria ajudar mesmo, está buscando formas de se redimir de seus erros... Só falta direcionar essa força de vontade de fazer o certo para o Jay, que precisa.

Falando nisso: acho que Ava já pode ir pro inferno e deixar o Jay em paz. O que foi ela quebrando a garrafa na cabeça da Alicia? Que infeliz!!! Fiquei agoniado com a quantidade de sangue durante a luta, mas que bom que ela conseguiu ganhar.

Keith mandando fazer um bolo com papel arroz do Ryan pra recepcionar a Lisa! HAHAHAHAHAHAH MORRO. Só ele mesmo. E será que Lisa volta com Alvey como um casal? Eu gostava tanto dos dois juntos!
2017-01-15 11:22:58


Episodio 2x19 - Nota 9

Eu pensava que o rumo da história do Jay com a Ava culminaria na overdose dos dois, e na morte dela por conta disso – e que essa seria o “wake up!” pra ele em relação às drogas. Inclusive, quando ele chegou ao motel, eu estava certo de que a polícia estava lá por causa disso. Fiquei MUITO chocado peo assassinato, nem por um segundo imaginei que aquele cara fosse um sociopata... Não gostava da personagem nem um pouco, mas não queria que esse fosse o fim dela, de verdade. A reação do Jay foi de partir o coração, e da Alicia também. Ele vai surtar. Ela vai ficar culpando-o, certamente. Veremos as consequências...

Falando em Jay: fiquei tão apreensivo quando ele encontrou o Will, que nem sei. Pensei que fosse fazer algo além de uma simples conversa. Não sei bem o que esperar da reação dele quanto à isso. Pode ser que fique contra, pode ser que aceite de boa. Torço muito que seja a segunda opção.

Lisa batendo no Alvey e falando verdades: gosto assim. E que atuação dos dois, tanto da Kiele quanto do Frank! É bom mesmo Lisa colocar pra fora tudo o que está reprimindo dentro dela.
2017-01-15 11:29:30


Episodio 2x20 - Nota 9

Eu estava com o maior receio de como Jay reagiria ao Nate quando eles falassem sobre a sexualidade dele... E agora vejo como fui bobo. Era óbvio que Jay aceitaria o irmão e ainda faria brincadeirinhas quanto a isso. Ele já provou tantas vezes que ama o Nate incondicionalmente, eu deveria esperar que a sexualidade não mudaria absolutamente nada na relação dos dois. A cena no hospital foi tão adorável que fiquei com um sorriso no rosto por um tempão após o término do episódio.

O único problema agora é o Alvey. Já sabemos que Nate quer ser reconhecido pelo pai, quer que o old man tenha orgulho dele e etc. Acho que vai ser complicado pra ele se assumir e não sei como Alvey vai reagir também. Um membro da família aceitou de boa, e como é uma série de drama, certamente vai ter um personagem que trará conflito nesse assunto. Creio que será o Alvey.

Sobre a luta: já era esperado que Jay fosse perder, já que ele está todo fodido psicologicamente – e fisicamente também, por causa das drogas. Queria muito que ele continuasse campeão e quero uma nova revanche. Ryan me irritou demais nessa temporada, quero mais é que ele se ferre. BTW: DETESTEI o beijo dele com a Lisa no final. Não quero os dois juntos jamais! E a Alicia já foi embora? Não entendi a ausência dela nesse episódio. Será que se foi de vez?

Enfim, eu gostei da temporada e gosto muito dessa série. É de uma carga dramática e emocional impecável, acho que os personagens são bem trabalhados e os dramas são sempre realistas. Que venha a terceira temporada!
2017-01-15 11:37:39


Episodio 3x1 - Nota 8.5

Eu estava perdido com várias coisas nesse episódio até o repórter comentar sobre ter passado um ano desde a luta do Jay com o Ryan no fim da temporada passada. Por exemplo: o fato do Jay uma filha e estar com outra mulher, fiquei quebrando a cabeça pra lembrar de onde que essas personagens tinham saído e nada. Jay estar trabalhando como corretor de imóveis! E aquele negócio do Keith listado como um sex offender em um site. Bem que poderiam ter colocado um “12 months later” lá no comecinho, né?

Mas enfim: Nate em uma relação séria com o boy foi tudo o que a gente pediu, acho que já estava na hora de se aceitar – Jay contribuiu bastante, pelo visto. Quero agora é que ele tenha coragem pra conversar com o Alvey, ser honesto e etc pra ser feliz mesmo. Entendo o receio, claro, levando em conta a profissão e o preconceito que certamente existe neste meio. Mas fico na torcida pra um bom desenvolvimento nestes 10 episódios finais – isto é, se ele já não tiver saído do armário, né? Já que teve essa passagem de tempo e eles não explicaram muuuuuita coisa.

Falando em Jay: foi e é estranho vê-lo com uma filha e firme com aquela mocinha, mas fiquei contente por ele ter conseguido passar por cima do vício e agora estar buscando certa estabilidade. Ele merece muitas coisas boas na vida, sim.

E o Ryan religioso? Esse também foi outro baque. Quantas mudanças, gente! BTW: seria bem legal se adentrassem o UFC agora, como estão pretendendo.

Gostei muito do episódio e estou com boas expectativas para a temporada. Uma pena que seja a última, acho que vai ser finalizada muito cedo e essa série tem tanto potencial. Um dos melhores dramas da minha grade atualmente.
2017-06-02 19:08:54


Episodio 3x2 - Nota 8.5

Achei interessante como a série mostrou, mesmo que de forma bem rápida e sutil, qual é a reação imediata de pessoas em um ambiente como esse, da luta (em que a maioria é homem e machista, querendo ou não), a uma pessoa gay. O cara cancelar a luta com o Nate só por saber que o mesmo é gay ilustra perfeitamente como a masculinidade do mesmo é frágil, já que se sente ameaçado sem razão.

E eu fico com pena do Nate, acima de tudo. Além dessa decisão RIDÍCULA de cancelar, ter esses comentários começando a circular a seu respeito não é muito legal, ainda mais levando em conta que ele não se assumiu pra toda a família, ainda não se sente seguro e etc. Enfim, sigo aqui torcendo por ele. BTW: Jay pulando em cima do tal do Garo pra defender o irmão foi maravilhoso, já que o mesmo usou uma palavra pejorativa para descrever a homossexualidade. PISA MENOS, JAY.

E falando nele: fiquei com pena quando precisou implorar pro patrão pra não perder o emprego. Eu gosto de vê-lo mais centrado. Ele precisa estar assim porque agora tem uma filha pra pensar, pra se dedicar e sustentar. Porém entendo perfeitamente a raiva dele em relação ao inquilino da casa que ele precisa mostrar (nem entendo muito bem qual é a do verme). Que cara folgado da porra!

Ryan absurdamente nojento na sequência final do episódio. Além da burrice de ter assinado um contrato sem ler, só levando em consideração o que o Garo estava dizendo, ele estava todo alucinado por bebidas e drogas – e o nariz sujo de cocaína me deu náuses, sendo bem sincero.

E eu tô meio chocado com a Christina... Como assim, casa de prostituição? E que vermezinho é aquele cara com quem ela aparentemente tá se relacionando, ein? Que horror.
2017-08-28 19:01:08


Episodio 3x3 - Nota 8.5

Eu li um comentário sobre o Jay e ele tem pleno sentido: é legal vê-lo lutando e nós estávamos acostumados com a outra personalidade dele, sim? Mas é verdade também que agora ele é pai, que agora precisa se dedicar à filha dele. A vida treinando, como lutador, de fato traz alguns excessos para o Jay que fogem de seu controle, levando em conta o dependente químico que é. Já podemos prever que ele vai mesmo libertar o lutador que existe dentro dele em breve (e com o Ryan atiçando, como fez no final desse episódio...). Só espero que ele não desande no que diz respeito à sobriedade.

Será que esse carinha com quem a Lisa saiu, vai sumir? Porque ele é adorável e, se não há chance de que ela retome a relação com o Alvey, acho que ela merece um cara como aquele, então. Além disso, já tô começando a temer de verdade aquele tal de Dominic, que certamente não é coisa boa...

Também não estou colocando muita fé nessa luta de retorno do Alvey, não. Porque ele não parece estar levando a sério como deveria e como exige das pessoas que estão na academia dele, né. E nossa, como ele bebe!

Keith e as facas tá assustador. Será que ele teria coragem de matar o Ryan? Talvez, num surto...
2017-08-28 19:17:20


Episodio 3x4 - Nota 8.5

Lisa deveria estar muito necessitada mesmo pra aceitar transar com o Dominic sabendo que ele é estranho as hell. O cara já foi inconveniente com ela duas vezes e ela ainda assim decide fazer sexo com ele no carro? Se antes ele já estava em cima, imaginem agora... Isso porque nem sabemos ainda quais são suas intenções. Tenho por mim que ele se aproximou dessa Academia e dela porque tem planos maiores por trás. Espero que ela fique bem acima de tudo...

E preciso dar parabéns ao Ryan (ironicamente) por ter despertado o lutador lunático que existe dentro do Jay. Ele perdeu o emprego e já voltou a usar drogas, e pesadas ainda por cima. O que aconteceu entre ele e a Amy foi patético. Ele foi extremamente violento, tanto nas palavras quanto nas atitudes, e por mais insatisfeita que ela esteja com a vida que eles levam (e entendo ele por estar se cansando de tais reclamações, já que ele estava se esforçando pra fazer o melhor), ela não merecia aquele tratamento. E ele de fato não pensou na filha, na bebêzinha que precisa dele. Espero do fundo do meu coração que ele consiga se reerguer antes que a coisa complique mais e ele volte a ser aquele Jay doidão da temporada passada.

Alvey ligando pra Christina o tempo todo... Chocado, parece que ele tá realmente querendo alguma coisa com ela de novo HAHAHAHA. E outra coisa que tá me surpreendendo muito é o quanto ele tá bebendo desde que decidiu voltar a lutar. Principalmente depois que largou a medicação. Até xícara de medição ele tá usando pra se “medicar” com álcool...

Fiquei muito surpreso com o Nate conversando com a Christina sobre o namorado. E contente também, já que eu pensava que só o Jay sabia da sexualidade dele até agora. Que bonitinho ela aconselhando ele a se assumir pro Alvey só quando se sentir pronto. Christina às vezes é tão inteligente no que diz respeito aos filhos, surpreende ela tomar tantas decisões ruins em relação a ela mesma.

Juro que por um momento pensei que o Keith fosse matar o Ryan naquele local... Inclusive, quando ele sentou e mandou o Ryan olhar o que tinha debaixo da lona, ele colocou a mão no tornozelo e eu esperei ver a faca ali, pra atacar o Ryan por trás. Que problemão ele arrumou e que louco ele é. Certeza que matou o morador de rua por matar. Ele precisa ser internado/preso com urgência.
2017-08-29 10:58:11


Episodio 3x5 - Nota 9

Eu tô realmente agoniado com essa sequência final do episódio. Que brutalidade, que coisa mais horrível. Não passo a mão na cabeça do cara por ele ter invadido uma casa para roubar, mas realmente espancá-lo até a morte era a punição necessária, gente? Pensei que o Ryan fosse nocauteá-lo apenas, ou dar uns bons socos só pro infeliz entender que esse tipo de coisa não se faz. Não que ele fosse perder totalmente o controle e agredir o cara até o mesmo deixar de respirar. Sério, traumática essa cena. Muito pesada. E o Ryan com certeza vai se ferrar porque foi espancamento e foi FORA da casa, acho até que foi em outra propriedade e não na dele...

E só não consegui compreender uma coisa: os dois rapazes realmente estavam recebendo doações de dinheiro para ajudar as crianças (o comportamento do que apanhou, coagindo pro Ryan doar, foi totalmente antiético), ou eles apenas repararam no carro de luxo e deram uma de homens caridosos apenas pra ver o que ele tinha dentro da casa e assim, planejar um roubo? Quero entender isso.

Tentando entender a razão da Lisa ainda não ter demitido o Dominic, porque ele já deu todos os motivos do mundo pra isso. Além de ser creepy as fuck, o cara desobedeceu o Alvey acerca do treinamento do Ryan. Colocou a proteína dele pra vender na academia sem pedir autorização. Agora revelou que fez uma cópia da chave do local, sendo que não tinha permissão para fazê-lo também... Eu ein, já teria mandado esse cara pastar sem pensar duas vezes. Sem falar no comportamento patético dele quando Lisa mandou-o tirar as proteínas de lá. Folgado!

Eu estava temendo que o Jay fosse seguir esse caminho de novo e não tô nem um pouco satisfeito. Pena que ele seja dependente e instável assim. Foi demitido de um emprego, mas nada o impedia de ir atrás de outro, não é mesmo? Não sei bem o que pensar da Amy pulando fora do barco assim tão rápido. Mas entendo ela estar se sentindo com medo, porque né... Ela tem lá suas razões. Vamos ver como vai ser agora que ele vai ficar sem a filha...

Começando a ficar preocupado com o Alvey... Vai que ele está com um problema sério de saúde.

Nate mais uma vez esquecido em churrasco. Sofro.
2017-08-29 18:13:39


Episodio 3x6 - Nota 8.5

Sabe que eu tô começando a achar que o Alvey vai morrer no fim da temporada? Ele anda sentindo dores (inclusive se medicando com álcool, já que cortou medicamentos por conta do treinamento), anda desmarcando as consultas, os exames. E o médico recomendou que ele visitasse o neurologista. Sei não. Espero estar enganado porque gosto do Alvey, seria horrível se ele morresse ainda mais agora que tá voltando a fazer o que gosta...

Finalmente o Nate foi resgatado do churrasco onde havia sido esquecido há dois episódios. Adorei toda a metáfora na cena da entrevista com ele falando sobre ser ele mesmo. E adorei mais ainda que ele venceu a luta, mesmo tendo tido aquele encontro nada amigável e desmotivador com o lutador homofóbico que o chamou de “faggot”. Alvey questionando o que o cara tinha dito. E amei que a primeira reação imediata do Jay foi dar o soco que o infeliz mereceu. Sempre protegendo o irmão, não importa o quão fucked up ele esteja.

Falando em Jay: apesar de engraçado, sempre com boas tiradas, eu me sinto tão desconfortável sempre que ele aparece usando drogas. Todos os eventos da temporada passada, que foi bem pesada pra ele, contribuem para que eu me sinta enojado. Acho que o único jeito pra ele é voltando a lutar, mesmo. Já que ele não é fã de grandes responsabilidades... Torço pra que ele se encontre e deixe essa vida de lado.

E a Lisa mais uma vez presencia o Dominic com o Ryan e não faz nada. Acho que o natural seria a demissão, já que ela tem poder de fazer isso e o Alvey já está com a paciência esgotada em relação a ele. Dominic tá manipulando direitinho. E o Ryan ainda fez o favor de falar a verdade sobre o que realmente aconteceu no espancamento do rapaz que tentou roubá-lo. Sei não. Dominic é indecifrável.
2017-08-29 18:31:10


Episodio 3x7 - Nota 8

Nate andou muito sumido nessa temporada, mas eu tô muito orgulhoso das cenas dele. Ele está nitidamente bem mais à vontade, ainda mais com o apoio que recebe do Will, do Jay e da Christina. E a decisão de contar ao Alvey não poderia ter vindo em melhor momento, ainda mais se ele está plenamente seguro disso. Ele pedindo ao Jay pra estar lá com ele quando se assumir, que lindo. Espero que Jay coloque isso na cabeça e realmente esteja lá quando ele precisar, e não se drogando, à beira de uma overdose, e etc.

Fico triste por ver o Jay se afundando de novo, sinceramente. Achei tão pesado a imagem inicial do episódio, com o Alvey encontrando-o quase morto na caminhonete, que nem sei. Não esperava voltar a vê-lo assim após o início dessa temporada, em que ele surgiu mais centrado, se esforçando pra se manter no emprego e fazer as coisas certas. Acho pouco provável que a luta vá tirá-lo do uso, mas é a única coisa que ele realmente gosta de fazer, né. Então que volte mesmo.

Eu tive que rir horrores do comportamento infantil e absolutamente patético do Ryan com o Alvey durante o treinamento. Sério mesmo, cara? SÉRIO MESMO? Deixar-se manipular pelo ridículo do Dominic é demais. E eu realmente não consigo entender a razão desse cara ainda ter um emprego na academia. Será que a Lisa anda com medo dele? Porque gente, ela sabe muito bem que é esse merda que tá colocando ideias erradas na cabeça do idiota do Ryan, e o cara já fez coisas erradas antes. Não sei qual a demora...

E o Alvey querendo compensar as coisas? Anda atrás da Christina, falando que não foi lá muito justo com ela. Tá querendo se reaproximar do Jay. De fato, isso reforça a ideia de que ele vai morrer na series finale e eu não tô preparado se for esse caminho mesmo. Na verdade, por mais fucked up que os personagens principais sejam, não gostaria que nenhum deles morresse. Mas essa temporada anda bem mais dramática, mais “sombria”, do que as duas anteriores. Bem mais pesada. Então acho que seguiremos esse caminho...
2017-08-30 10:45:19


Episodio 3x8 - Nota 8

Demorou pra Lisa mostrar pro Dominic quem é que manda, né? Ele já fez muita merda, j´á desrespeitou, já desobedeceu. Se mostrou creepy as hell em vários momentos. Era pra ter sido demitido há tempos. Mas antes tarde do que nunca. E o verme ainda teve a ousadia de ameaçá-la com aquele negócio de tirar os lutadores da academia, como se ele tivesse como fazer isso. Vai levá-los pra onde, mesmo? Flopado desses.

Mas melhor do que a demissão, foi o Ryan finalmente percebendo que o flopado estava tentando manipulá-lo a todo custo. O corte que deu nele no final foi ARRASADOR, deixou o Dominic sem palavras de tão inesperado HAHAHAHAHAHA. Bem feito.

Também achei esse plot do Alvey com a mãe absolutamente avulso, fora de lugar levando em conta estarmos tão perto do final da série. Parece uma tentativa de humanizá-lo, mostrando que o mesmo se importa com a mãe e tentando se conectar com os filhos (dessas cenas eu não tenho nada a reclamar, acho ótimo que eles tenham esse momento família). Isso meio que reforça a ideia na minha cabeça de que ele vai morrer. Veremos.

Aquela menina que o Cody dispensou é adorável, mas acho estranho como ela se apegou a Christina daquela forma, e foi tão rápido. Ela diz coisas do tipo, “não quero ficar longe de você”. Será que tem algo a mais nessa história? E preciso dizer que a Christina é muito corajosa e paciente, porque PQP, que cara mais insuportável aquele Cody. Nojento.

E parece que o Nate finalmente vai se abrir com o Alvey. No penúltimo episódio da série. Achei um desserviço, mas vamos ver...
2017-08-30 16:42:06


Episodio 3x9 - Nota 8.5

Olha, eu tô bem decepcionado. Bem decepcionado mesmo. Cozinharam toda o arco do Nate em banho-maria. Demoraram uma eternidade pra desenvolver. Levou duas temporadas pra que alguém relevante descobrisse sobre a sexualidade dele. Mais uma temporada quase inteira pra que ele reunisse coragem para contar ao pai. E é isso que temos como resultado? Ele mal abre a boca e morre? Porque né, eu honestamente duvido que ele vá sobreviver (ainda mais pelo trailer do próximo episódio).

Alvey foi muito insensível. Entendo, claro, que pode ser um choque. Ainda mais se ele nunca desconfiou da verdadeira sexualidade do Nate. E posso até me esforçar pra entender ele estar com muita coisa na cabeça (e na verdade, ele está mesmo), em relação à luta, em relação à tentativa de suicídio da mãe. Mas a reação dele foi horrível. Usar “faggot”, uma palavra extremamente ofensiva, pejorativa, para descrever a homossexualidade no momento em que o filho, que ele diz amar, decide contar a verdade...

Mas de que adiantou? Nate já ficou todo explosivo, querendo agredir e tudo. E como consequência temos esse cliffhanger que me deixou chocado, já que foi absolutamente inesperado, mas também decepcionado porque o desserviço com o personagem foi absurdo. Nate merecia muito mais que isso, de verdade. Muito mais. Não entendo o que o criador dessa série tinha na cabeça. Introduzir um plot interessante desses, uma discussão no meio de um mundo onde o machismo exala, e não aproveitar bem o material...

No mais: Ryan um completo babaca falando aquelas coisas pra Lisa (mesmo tendo se desculpado no final, não exime as palavras horríveis). Ele pode transar com quem quiser. Ela não pode? E o que o Alvey tem a ver com isso? O que tem ela dar no estacionamento, dentro do carro dela? Bitch, please.

Dom é desequilibrado e sigo temendo o que ele ainda pode fazer. O jornalista mando ele procurar um psiquiatra foi engraçado HAHAHAHAHAHA. Maior embuste da série, sim, de longe. Ryan quebrou a mão, mas pelo menos quebrou a cara do flopado também. Louco desses...

Enfim, eu até tô ansioso pra ver como as coisas terminam para os personagens porque apesar dos pesares, eu gosto muito deles. Mas que fiquei decepcionado, isso eu fiquei...
2017-08-30 16:52:26


Episodio 3x10 - Nota 9

Como comentei no episódio passado, já era esperado que o Nate morresse mesmo, após aqueles disparos, pra trazer certo drama e tragédia para a Series Finale. E mais uma vez me sinto muito decepcionado com essa decisão “criativa” dos roteiristas, porque não tinha a MÍNIMA necessidade de fazê-lo. Foi um desrespeito para com o personagem e para com sua sua storyline, disparada a mais desperdiçada, porca e mal desenvolvida que tivemos ao longo dos 40 episódios. Foi uma temporada inteira para descobrirmos que o Nate tinha interesse sexual em homens (lembram que foi revelado em uma das cenas finais da 1ª temporada?). Depois, mais uma temporada inteira para que alguém relevante descobrisse sobre isso (no caso, o Jay), e mais uma temporada inteira pro Alvey descobrir, só pra em seguida acarretar em... TRAGÉDIA.

Claro que no que diz respeito ao drama, à dor que os personagens transpareciam, esse episódio foi sim um prato cheio. Mesmo decepcionado, eu fiquei muito tocado com praticamente todas as cenas. Desde os momentos do Jay refletindo e até mesmo culpando o Alvey, até as cenas deste último relembrando tudo, remoendo o fato de que não pôde fazer nada – aquela conversa que ele teve com a Christina, sobre Nate ter lembrado a época em que tinha seis anos em seus últimos suspiros, foi absurdamente pesada. A dedicação da luta ao filho. O Jay enfrentando todos que deixaram de falar com o irmão após os rumores sobre a homossexualidade surgirem. Foram todas cenas de uma carga dramática impecável. Nesse quesito, aliás, acho que Kingdom nunca errou.

Só é uma pena que o propósito da morte do Nate, narrativamente, tenha sido no intuito de desenvolver o Alvey e transformá-lo em uma pessoa “melhor”. A impressão que fica no meio disso tudo é que o criador da série tinha mais temporadas idealizadas para contar sua história, mas a emissora decidiu dar um fim antes. E aí ele fez o que fez. Porque sério, eu me recuso a acreditar que tudo isso tenha sido queerbaiting ou preguiça de dar um tratamento sério e objetivo para o arco que era um dos mais interessantes da série. Foi covardia, sim.

Quanto ao final em geral: todo mundo continuou na mesma, né? Tivemos várias pontas soltas também. O Dominic simplesmente desapareceu. Não entendi bem se a Lisa pegou o emprego do Garo ou não (aquela cena em que ela falou sobre a empresa [?] no octógono antes do discurso do Jay me leva a crer que sim). A storyline da Christina ficou no meio do caminho. O fato do Alvey tê-la visto com o cafetão e a Kayla também ficou jogado, completamente aleatório. Jay ficou na mesma, se bobear vai se tornar ainda mais destrutivo com a morte do Nate. Alvey com certeza ficará remoendo pelo resto de seus dias – e apesar de eu ter ODIADO a primeira reação dele à revelação do Nate, não o considero culpado e acho injusto atribuir algo assim a ele. Jamais culpo o Nate também, mas ele foi muito explosivo e impaciente.

Essa temporada em geral foi agridoce. Por um lado, não desenvolveu em quase nada os personagens com excessão do Alvey. No entanto, foi uma season bem pesada (talvez a mais densa dentre as três), trágica, e abordou alguns temas interessantes, como aquela casa de prostituição. Esperava uma coisa mais bem definida para os personagens, mas enfim. É o que temos. Mesmo sentindo essa decepção, mesmo achando covardia dos roteiristas o que fizeram com Nate Kulina, acho que vou sentir falta da série. Nutri um carinho por ela. Gostava dos arcos e gostava dos personagens. Enfim... Adeus, Kingdom!
2017-08-31 10:44:43


Episodio 3x10 - Nota 9

Lembro sim! Acertamos que alguém iria morrer, só não esperávamos que fossem ser covardes a esse ponto. Foi muito triste mesmo, muito abrupto e injusto :(
2017-09-05 23:20:47



Obs:Precisa de mais de 5 comentarios para aparecer o icone de livro no seu perfil. Colaboradores tem infinitos icones de livrinhos, nao colaboradores tem 5 icones de livrinho do perfil

Scavo

Copyright© 2019 Banco de Séries - Todos os direitos reservados
Google+ | Índice de Séries A-Z | Contatos: | DMCA | Privacy Policy
Pedidos de Novas Séries